10 Mitos e verdades sobre o café: a bebida mais adorada do Brasil


Depois da água, o café é a bebida mais consumida do Brasil, de acordo com uma pesquisa realizada pela Associação Brasileira da Indústria de Café. Nada mais nada menos do que 98% das casas brasileiras têm café no bule todo dia. Mas mesmo assim, a bebida ainda causa muitas dúvidas sobre a sua composição ser mesmo benéfica ou prejudicial à saúde.Por isso, conheça os mitos e verdades sobre o café.

1. Café é viciante

Verdade. Essa é uma das maiores questões entre os mitos e verdades sobre o café. O fato é que a pessoa que toma uma grande quantidade de café todos os dias, acaba adaptando o organismo às substâncias presentes no café e ficam tolerantes a elas. Então, quando a quantidade de café consumido é reduzida, os efeitos colaterais aparecem, como dor de cabeça, nervosismo e ansiedade.

2. Café faz envelhecer mais rápido

Mito. Pelo contrário, pois o café possui polifenóis, que são antioxidantes que atuam na renovação das células. Mas para que o efeito seja positivo, a quantidade de café consumido deve ser moderada e equilibrada com um grande consumo de água e alimentos saudáveis.

3. Café faz bem ao coração

Verdade. Ao beber até 4 xícaras de café ao longo do dia, não sendo logo após o almoço ou jantar, diminui-se em 11% o risco de insuficiência cardíaca, de acordo com uma pesquisa realizada pelo Centro Médico Beth Israel, dos Estados Unidos.

4. Café faz bem ao sistema digestivo

Mito. O café faz mal ao estômago, mas só em quantidade exagerada. Pessoas que bebem café demais podem desenvolver úlceras estomacais, especialmente se possuem uma rotina muito estressante. Isso porque a cafeína estimula a produção de ácidos estomacais. Mas em quantidade moderada o café não prejudica o estômago.

5. Não deve-se tomar café junto com medicamentos

Verdade. O café pode alterar o efeito de medicamentos antidepressivos, para controle de tireoide e de osteoporose. Se faz tratamento para esses problemas, o ideal é conversar com seu médico sobre a quantidade de café que pode tomar por dia e evitar que seja perto do horário da medicação.


6. Café não é bom para gestantes

Mito. Porém a quantidade precisa ser bastante equilibrada, pois a gestação é um período muito sensível e cada mulher pode reagir de forma diferente ao consumo da bebida. Existem estudos que sugerem que mulheres que consomem mais do que duas ou três xícaras de café ao dia podem ter bebês com baixo peso. Altas doses diárias da bebida também podem aumentar o risco de aborto.

7. Café é benéfico para aliviar dor de cabeça

Verdade. A menos que se trate de dor de cabeça por desidratação ou algum problema de saúde específico em que ela ocorra como sintoma, o café alivia a dor. Não é à toa que a cafeína faz parte da composição da maioria dos remédios para dor de cabeça.

8. Café engorda

Mito. A cafeína presente no café é um agente acelerador do metabolismo, o que contribui para o gasto energético de calorias junto de uma dieta equilibrada e da prática de exercício físico. Porém, o café deve ser tomado sem açúcar e sem leite, ou com um leite desnatado ou vegetal.

9. O café pode ser tomado por crianças

Verdade. Esse é um dos mitos e verdades sobre o café que merece atenção. Em quantidade bastante moderada, e junto com leite, o café pode ser bebido por crianças a partir dos 3 anos de idade. Mas os pais devem observar se há alguma reação adversa na saúde e no comportamento do filho para saber se é seguro continuar oferecendo a bebida.

10. O café aumenta a energia e a atenção

Verdade. As propriedades do café atuam nos neurotransmissores que liberam a adrenalina e fazem o corpo ficar mais resistente ao cansaço. Ao beber uma xícara de café forte em jejum, pode-se logo perceber um aumento da atenção e da energia. Mas em jejum também é preciso tomar cuidado com os perigos da úlcera estomacal.