3 exercícios podem acabar de uma vez por todas com as dores nos seus pés!


Você acorda com dor na sola do pé e perto do calcanhar? Provavelmente, você sofre com a fascite plantar. Trata-se de uma inflamação que causa dores agudas na sola dos pés. Por acaso, tem ideia de como é feito o tratamento para fascite plantar?

A boa noticia é que você não precisa se submeter a cirurgias ou tomar remédios químicos. Basta aderir a uma simples e eficiente rotina de exercícios.

De acordo com pesquisas recentes, milhões de pessoas ao redor do mundo sofrem com algum desconforto nos pés. Isso pode ser consequência de doenças, lesões ou até mesmo de algum calçado que causa calos e joanetes.

Caso você tenha desenvolvido uma inflamação na fascia plantar, é preciso tomar cuidado para minimizar esse incomodo em função da importância do calcanhar. Afinal, essa parte do seu pé
absorve toda energia e pressão que o corpo exerce.

Já dá para imaginar por que é uma área tão sofrida, não é? Normalmente, esportistas de alto rendimento, grávidas e obesos tem maior incidência da doença.

Quais as causas da fascite plantar?

É preciso ficar atento para as causas mais comuns da fascite plantar: pisar em superfícies duras por mais tempo, irregularidade na sola dos pés, falta de força nos músculos dos membros inferiores, calçados muito apertos e exagero nos exercícios físicos.

Conheça o tratamento para fascite plantar

A forma mais natural de tratar o problema é com alongamentos e técnicas de relaxamento.

1 – Bola de tênis

A bola de tênis pode ser usada no tratamento para fascite plantar. Basicamente, você deve se sentar em uma poltrona confortável e ficar com a coluna reta.


Pise um pé no chão e outro na bola, procure passar o calcanhar sobre a bola várias vezes.

É essencial que toda a planta do pé receba esta massagem. O ideal é fazer por cerca de um minuto, com duas repetições em cada perna.

2 – Alongamento

Você deve se sentar, cruzar as pernas e conduzir uma das mãos até o seu pé contrário.

Alongue o pé para trás, o quanto puder. Com a outra mão, fixe muito bem o calcanhar para assegurar um posicionamento firme.

Fique nesta posição por até 15 segundos e, posteriormente, se solte devagar. É recomendado efetuar 4 vezes em cada pé, com pequenos intervalos a cada repetição.

Logo em seguida, faça o mesmo procedimento com o outro pé.

3 – Pernas esticadas

O primeiro passo é se acomodar em uma superfície reta com as pernas e a coluna bem retas. Logo depois, adicione uma toalha para dar origem a um arco nos pés.

Faça com que a toalha fique muito esticada e se mantenha nesta posição por meio minuto. Posteriormente, relaxe e se solte.

Essas três opções de tratamento para fascite plantar devem ser efetuados todos os dias, sendo que o efeito pode ser maximizado com o consumo de açafrão (cúrcuma), gengibre e abacaxi.

Caso a dor persista, você deve procurar por um médico!