7 dicas para ter um cabelo mais saudável e cheio de vida


Enquanto a genética desempenha um papel fundamental, a sua dieta, seu nível de cuidados diários, o clima e até a poluição da cidade são tópicos essenciais para se ter ou não um cabelo mais saudável. E, como você vai descobrir hoje, você pode ter total influência no quanto seus fios serão saudáveis.

Alimentos ricos em proteínas, em zinco, em ômega 3 e assim por diante podem ser determinantes para quem quer ter cabelo mais saudável.

Mas, claro, não é só isso. A forma como você lida com seus fios também é muito importante se você quer ter fios bonitos naturalmente, sem a necessidade de “morar” no salão.

Confira 7 dicas para ter um cabelo mais saudável:

1. Abuse das proteínas

Uma dieta bem balanceada é um fator importante na saúde do cabelo e couro cabeludo. O cabelo é composto principalmente de proteína, por isso certifique-se de comer pelo menos 45 gramas de proteína por dia.

Boas fontes incluem: carne magra, aves, peixe, feijões, produtos lácteos com baixo teor de gordura, ovos etc.

Dietas com proteínas inadequadas podem resultar em cabelos fracos e quebradiços, além da perda do cor dos fios.

2. Não se esqueça do zinco

A deficiência de zinco pode causar queda de cabelo. Incorporar frutos secos como castanha, nozes, castanha de caju e amêndoas em sua dieta ajuda a combater essa deficiência e fortalecer sua saúde.

Outros alimentos que podem ser ingeridos, ricos em zinco, incluem: legumes, frutas e saladas verdes.

Um suplemento multivitamínico ou à base de zinco são mais eficazes caso a deficiência seja mais grave ou crônica.

3. Ômega, por favor!

Aumentar a ingestão de ácidos graxos ômega-3 pode estimular os folículos pilosos e as glândulas sebáceas. Embora isso não faça com que seu cabelo cresça, pode melhorar a saúde do couro cabeludo.

Os ácidos graxos ômega-3 são encontrados em peixes de água fria, como salmão, sardinha e arenque.

Outras boas fontes incluem: semente de linho, iogurte, queijo tipo cottage e cereais.

4. Conheça o seu cabelo


Há opiniões conflitantes sobre a frequência semanal de lavar o cabelo. Tudo se resume a preferências pessoais e necessidades individuais, que dependem do seu tipo e textura de cabelo, além dos produtos utilizados, oleosidade dos fios etc.

Por exemplo, pessoas com cabelos oleosos podem precisar usar xampu todos os dias, enquanto pessoas com cabelos secos podem precisar lavar com menos frequência.

5. Escolha o shampoo certo

Usar o shampoo errado pode causar danos significativos ao cabelo. Procure por produtos adequados ao seu tipo – oleoso, normal ou seco – e segmente qualquer problema que você tenha, como a caspa.

Tente evitar shampoos com ingredientes agressivos, como lauril sulfato de amônio ou lauril sulfato de sódio. E lembre-se de que o custo não indica necessariamente a qualidade de um produto.

6. Obtenha condições específicas

O condicionamento após a lavagem com shampoo é um passo importante para manter o cabelo macio, brilhante e manejável. Você pode escolher um condicionador separado ou um xampu com condicionador embutido.

Aplique o condicionador e distribua-o uniformemente. Deixe-o no cabelo por dois a três minutos antes de enxaguar.

Assim como a lavagem dos cabelos, nem todos precisam usar condicionador toda vez que lavam o cabelo. Experimente para descobrir o que funciona melhor para você.

7. Lave e seque

Os especialistas sugerem que muitas pessoas shampoo ou condicionador incorretamente. As regras padrão são:

Não lave o cabelo mais de uma vez por dia. Use apenas o suficiente do produto para cobrir seu cabelo. Evite usar água muito quente ou muito fria. Trate o cabelo suavemente quando estiver molhado – nesse estado, ele é três vezes mais vulnerável à quebra.

Não esfregue o cabelo molhado excessivamente com uma toalha. Use um pente de dentes largos para desembaraçar, mas não pente muito ou escove o cabelo molhado.

Loading...