8 dicas para reduzir a barriga de chopp e melhorar a saúde


Apesar da onda fitness que o mundo vive, ainda há quem não se apegue ao porte físico e gosta mesmo é de ficar esparramado no sofá comendo uns aperitivos. Claro, esse é um grande prazer da vida, mas só até o corpo começar a pedir socorro.

O porte físico e a qualidade de vida andam juntos, são consequência um do outro. Se você já está com uma barriguinha de chopp porque não pratica atividade física e come tudo o que tem vontade, não estranhe se começar a sentir dores aqui e ali, perder o fôlego para subir uma escada e ficar gripado constantemente.

Mas se acha que já descuidou o suficiente e está na hora de começar uma reeducação alimentar para ter mais qualidade de vida, veja estas 8 dicas para colocar em prática agora mesmo.

1. Reduza o consumo de açúcar industrializado

Se você adora doces, esta parte da reeducação vai te fazer sofrer um pouco, mas com o tempo você vai descobrir o prazer em outros sabores, ao se olhar no espelho e se sentir mais saudável.

Evite qualquer tipo de açúcar industrializado, seja em bebidas ou comidas. Faça refeições com frutas, iogurtes, adoce as coisas com mel e prefira sucos naturais. Outra coisa importante é não consumir adoçante. Ele não é melhor do que o açúcar nem vai te ajudar a emagrecer, é ume engano.

2. Reduza o consumo de carboidratos

Nada precisa ser eliminado por completo da sua alimentação, até para que você aguente firme e compreenda a importância de cada alimento. Os carboidratos também são importantes quando vêm da fonte certa, como da batata-doce.

Mas evite pão, bolacha, bolo, massas e cereais porque eles serão absorvidos muito rapidamente e transformados em açúcar. Dê preferência para alimentos naturais, como frutas, verduras, legumes, carnes e laticínios.

3. Deixe a cerveja para o final de semana

Faça um esforço, você consegue. É uma questão de hábito. A bebida alcoólica faz seu corpo reter líquido e dificulta todo o funcionamento do seu organismo. Se quiser emagrecer e se livrar o inchaço, beba moderadamente, o menos possível.

4. Coma gordura saudável

O corpo precisa de gordura para poder gastar gordura. Mas as fontes devem ser saudáveis, como a gordura do coco, do abacate, das nozes e castanhas, dos peixes e das carnes. Evite qualquer alimento frito ou com que contenha óleos refinados.


5. Pratique atividade física

Para ver que o seu corpo está emagrecendo e a sua saúde está ficando forte é necessário praticar uma atividade física. Afinal, tudo o que você come passa por um processo de distribuição dentro do seu corpo, e a atividade física é que vai ajudar a levar cada nutriente para o lugar certo ao invés de ficarem concentrados na sua barriga.

Além disso, a atividade física vai manter seus músculos em crescimento, seu coração saudável, sua pressão equilibrada e seu bem-estar sempre presente.

6. Consuma proteínas

As proteínas têm muitas funções no organismo, mas a mais comum é a regeneração e o crescimento dos músculos. Se você está fazendo atividade física precisa manter seus músculos fortes, então coma carne, ovos, castanhas, feijão, laticínios, lentilha e soja. Não faltam opções para você comer bem e se livrar das “gordices”.

7. Beba água

A melhor bebida do mundo é a água. Pode não ter gosto, mas é só dela que o seu corpo precisa para manter todos os órgãos hidratados e funcionando. Beba no mínimo 1,5 litro de água ao longo do dia e suas células irão agradecer.

Se gosta de chá pode beber também, mas não adoce ou use um pouco de mel. Outras bebidas podem ser sucos naturais, água de coco e um cafezinho de vez em quando não faz mal a ninguém.

8. Coma fibras

O seu sistema gastrointestinal precisa estar funcionando perfeitamente para que todas as dicas acima façam sentido. Tudo o que você come vai ser filtrado, enviado para uma função e a sobra vai ser eliminada.

A função das fibras é manter seu intestino funcionando, ajudando seu metabolismo a manter o ritmo para você emagrecer. Além disso, muitos tipos de fibras formam um gel no estômago mantendo a saciedade por mais tempo.

No começo pode parecer que você está cortando tudo da sua alimentação e vai ser difícil manter a nova rotina. Mas na verdade você ainda terá diversas opções e não passará fome porque estará nutrindo seu corpo com comida de verdade.

Para não sentir falta dos doces, saiba que há muitas receitas caseiras que levam menos açúcar, menos gordura e acrescentam alimentos saudáveis. Essa é uma boa forma de substituir salgadinhos e chocolates por uma versão mais nutritiva.