8 formas de remover pelo encravado


Pelos encravados podem ser pelos que até cresceram mas então se curvaram e penetraram novamente na pele, ou pelos que não tiveram força suficiente para crescer e não saíram sobre a camada externa mais superficial da pele.

Eles geralmente surgem após fazer a barba ou depilação e têm diferentes casos e graus de complicações, podendo chegar à necessidade de intervenção cirúrgica. Existem diferentes maneiras de acabar com os pelos encravados, cada uma mais indicada para um caso.

1-A pinça parece a maneira mais prática e óbvia de remover pelos encravados. No entanto, só deve ser usada quando a região do pelo encravado não apresenta sinais de pus e inflamação muito grande.

Antes de começar a remoção, esterilize e desinfecte a pinça com álcool 70 e limpe a região do pelo encravado com água oxigenada ou um antisséptico. Puxe o pelo com a pinça e limpe a região com água e sabonete neutro.

2-Esfoliação simples é outra técnica para remover pelo encravado quando não está muito inflamado e dolorido e indicada para a zonas púbicas ou pernas. A esfoliação pode ser realizada até duas vezes por semana com esfoliantes corporais, bucha vegetal ou esfoliantes feitos em casa como mel e açúcar, açúcar e creme hidratante ou café e óleo de amêndoas.

Esse método não é imediato mas, ao poucos, vai removendo as células mortas da superfície da pele e diminui os pelos encravados. Também pode ser usado como medida preventiva.

3-Em casos onde a região está muito inflamada e dolorida, pode se fazer um esfoliante a base de Tylenol (paracetamol) para aproveitar as propriedades de analgésico para secar a região e diminuir a dor.

Para fazer, esmague 2 comprimidos de Tylenol com pouca água até que se forme uma pasta. Esfregue essa mistura, como se fosse um esfoliante, sobre o pelo encravado e deixe secar. Quando estiver seco, enxágue e use uma pinça esterilizada para remover o pelo se ele continua lá.


4-Uma compressa quente pode ajudar abrir os poros e suavizar a pele tornando a remoção do pelo encravado menos agressiva e dolorida. Aplique um pano limpo molhado em água morna sobre a região do pelo e deixe descansar até que esfriar. Quando esfriar, repita o procedimento. Dessa forma, os pelos devem ficar facilmente removíveis com uma pinça esterilizada ou com as mãos limpas.

Se não ficarem, significa que você deve tentar outro método.

5-Pomadas para acne também funcionam em casos em que o pelo está muito inflamado e com pus. Basta aplicar sobre a regão afetada pelo menos uma vez por dia e esperar o inchaço reduzir. Peróxido de benzoíla e ácido salicílico são sugestões de bases para esses cremes que costumam funcionar.
6-Também é possível remover pelo encravado com Aspirina pelo seu efeito anti-inflamatório que seca as feridas. Assim como o método do Tylenol, basta amassar 2 comprimidos de Aspirina com um pouco de água até que se forme uma pasta. Cubra a região do pelo encravado com essa pasta, deixe secar e depois remova o pelo com uma pinça esterilizada.
7-Se você percebeu que está com um pelo encravado enquanto está se depilando, depile-se na direção de crescimento dos pelos. O pelo encravado pode acabar saindo junto com os outros e essa maneira já evita que surjam outros pelos encravados.
8-Em caso de pele muito irritada com pelos encravados, mais vale hidratar do que secar. Para isso, aplique um creme tipo Bepantol diariamente sobre o pelo encravado. A hidrocortisona presente na fórmula reduz a inflamação e a irritação e possibilita a retirada do pelo.
Conselhos
  • Sempre antes de aplicar um produto, teste em uma pequena região da sua pele para saber se há o risco de alergias