Hidratação para cabelos ressecados: conheça o poder do azeite


O azeite é um item indispensável na nossa culinária, sendo usado para diferentes fins na cozinha, mas poucas pessoas sabem que o azeite é também um grande aliado para cuidar da nossa beleza. Vamos mostrar neste artigo 4 formas diferentes de usar azeite na hidratação para cabelos ressecados e deixar suas madeixas mais bonitas e macias.

4 receitas de hidratação para cabelos ressecados

O azeite de oliva é excelente para hidratar cabelos ressecados, pois contém bastante vitamina E e ácidos graxos. Eles nutrem, dão força e leveza para os fios.

É um regenerador natural, com propriedades calmantes e que estimulam o crescimento do cabelo.

Reduz a queda, elimina o frizz e as pontas duplas. Além disso, é fundamental para quem faz qualquer tipo de química. Experimente uma dessas receitas!

1. O seu creme mais potente

Você pode utilizar o azeite para potencializar produtos de beleza que você tenha em casa, como aquele creme hidratante de mercado, que não é assim tão bom, deixando-o muito mais eficaz.

Ingredientes:

Creme para cabelo: 2 colheres de sopa;
Azeite de oliva: 2 colheres de sopa;
Óleo de coco: 1 colher de sopa;
Mel: 1 colher de chá.

Modo de preparo:

  1. Em uma vasilha separada, misture bem os ingredientes;
  2. Aplique nos cabelos, envolvendo cada mecha;
  3. Coloque a touca térmica por 30 minutos;
  4. Lave os cabelos normalmente.

Você vai ver que seu creme vai ficar ainda mais poderoso, como se você tivesse gastado uma fortuna no salão de beleza com uma hidratação para cabelos ressecados.

Só atenção: não utilize essa máscara mais de uma vez na semana, pois ela é muito potente, pode deixar os fios oleosos.

2. Azeite de oliva morno

Você pode fazer sua própria hidratação para cabelos ressecados em casa sem precisar recorrer a qualquer produto cosmético (e livrar os seus cabelos e couro cabeludo de produtos químicos).

O azeite é um produto completo e o uso dele puro já traz benefícios inquestionáveis à cutícula do cabelo, promovendo uma hidratação intensa. E nem precisa ficar com pena de gastar o seu azeite, você vai precisar de pouca quantidade nessa hidratação para cabelos ressecados.

Para fazer é muito simples:

  1. Aqueça meia xícara de chá de azeite no micro-ondas por 30 segundos, até ficar morninho;
  2. Aplique em toda a extensão dos seus cabelos, da raiz até as pontas;
  3. Divida o seu cabelo em mechas para que o azeite consiga alcançar todos os fios, incluindo aqueles da parte debaixo do cabelo;
  4. Depois, envolva o cabelo em um plástico ou touca e deixe o azeite agir por 30 minutos.
  5. Pronto, agora é só lavar o cabelo normalmente com xampu e condicionador. Você perceberá que usar azeite para hidratar cabelos vai mudar a textura dos seus fios.

3. Máscara com azeite para uso frequente

Se você gosta de usar máscara com certa frequência – 2 ou 3 vezes por semana, por exemplo – pode optar por essa receita que irá potencializar a sua máscara sem o risco de deixar os fios oleosos.

Ingredientes:

Creme para hidratação: 2 colheres (sopa);
Azeite de oliva: 1 colher (sopa).

Modo de preparo:


  1. Misture os ingredientes até que fiquem uniformes;
  2. Aplique nos cabelos após a lavagem, durante o banho;
  3. Deixe agir por 10 minutos;
  4. Lave normalmente, enxaguando bem.

Seu cabelo ficará mais hidratado do que normalmente fica e sem fios pesados.

4. Máscara totalmente feita em casa

E que tal uma receita de hidratação para cabelos ressecados somente com produtos caseiros? Essa é mais uma receita totalmente livre de produtos químicos. É ideal para quem tem cabelos ressecados,  e precisa de reestruturação.

Ingredientes:

Azeite de oliva: 2 colheres (sopa);
Mel: 3 colheres (sopa);
Abacate: ½ polpa.

Modo de preparo:

  1. Coloque todos os ingredientes no processador e bata bem;
  2. Se não tiver, pode usar o garfo. O liquidificador não é recomendado;
  3. Passe a mistura nos cabelos secos, envolvendo cada mecha;
  4. Coloque a touca térmica e deixe agir por uma hora;
  5. Lave normalmente.

O resultado é impressionante! Essa máscara deve ser aplicada somente em cabelos muito danificados, no máximo a cada 15 dias.

Veja alguns usos do azeite de oliva para cabelos ressecados.

Causas dos cabelos ressecados

Existem alguns fatores que favorecem para que o fio fique ressecado e quebradiço.

1. Clima

Não é segredo que o sol, a praia, piscina podem estragar a estrutura dos fios, ressecando os cabelos.

Os raios solares são carregados de raios ultravioletas, que penetram nas fibras e destroem a estrutura do cabelo. Para evitar maiores estragos, use produtos anti UV quando for se expor ao sol.

2. Banho quente

Apesar de ser deliciosamente relaxante, o banho quente acaba com a estrutura do fio, abrindo a cutícula e permitindo que os nutrientes essenciais sejam eliminados.

Além disso, aumenta a oleosidade no couro cabeludo ao mesmo tempo em que resseca o comprimento do fio. Isso estimula o surgimento de caspas, que limitam a utilização de óleos e cremes para hidratação.

O ideal é tomar banho frio, sempre, mas se estiver sem coragem, coloque entre morna e fria. Seus cabelos agradecem.

Química no cabelo

A descoloração do cabelo é extremamente agressiva. Dessa forma, a perda de nutrientes é imensa, causando o ressecamento dos fios.

Os alisamentos também agridem profundamente a estrutura do fio do cabelo, sendo necessário um acompanhamento efetivo para evitar que se quebrem muito.

Em ambos os casos, recomenda-se hidratação intensa semanal, até que os fios possam se recuperar da química e se preparar para a próxima vez.

3. Menopausa

As intensas alterações hormonais sofridas pelo corpo da mulher nessa fase podem dar origem ao ressecamento dos fios dos cabelos, pois as glândulas sebáceas passam a ser menos estimuladas.

Outro fator é a aparição dos cabelos brancos, que já tendem a ser mais ressecados do que antes, dada a falta da pigmentação.

4. Secador e chapinha

O uso constante de secadores de cabelo, chapinha e outros equipamentos que superaquecem os fios estragam demais o cabelo.

Para evitar que os danos sejam mais severos, recomenda-se a aplicação de protetor térmico antes do uso, bem como um maior espaçamento na utilização desses equipamentos.