Tipos de massagem para emagrecer


Além de fazer uma boa dieta de reeducação alimentar e praticar atividade física todos os dias, existe outro método que estimula e acelera o emagrecimento. É a massagem para emagrecer. Alguns tipos também são muito usados após cirurgias para redução de medidas e perda de peso. Entre tantos tipos de massagens que existem para essa finalidade, você vai conhecer nesse artigo os 5 tipos mais procurados.

Melhores massagens para emagrecer

Cada tipo de massagem para emagrecer tem um propósito específico, utiliza de métodos de aplicação próprios e o resultado vai depender de um conjunto de fatores, de acordo com cada organismo.

Então, mesmo vendo a seguir quais são os resultados esperados de cada massagem para emagrecer, tenha consciência que não vai ser igual para todas as pessoas.

Por isso que é necessário seguir à risca, tanto as recomendações do nutricionista, quanto do médico e do profissional que irá aplicar o tipo de massagem que você optar por fazer.

1. Massagem modeladora

A massagem modeladora é um tipo de massagem feita sobre os tecidos moles do corpo. São feitos movimentos vigorosos, com cremes específicos e oferece efeitos tanto estéticos quanto para a saúde, promovendo o relaxamento e o bem-estar físico e mental.

Para que serve e quais os benefícios?

As razões pelas quais você pode fazer a massagem modeladora são para melhorar a circulação sanguínea, para intensificar sua força muscular, para reduzir gordura, acelerar o metabolismo e reduzir a celulite.

Quem pode fazer e quais as contraindicações?

A massagem modeladora é recomendada para quem está com gorduras localizadas que não saem mesmo com dieta e exercícios. Também para quem sofre com retenção de líquidos e com celulites. Não devem fazer as pessoas que estejam com doenças crônicas graves, as gestantes, pessoas com problema de pele ou câncer.

2. Massagem redutora

Os movimentos realizados nesse tipo de massagem para emagrecer são de deslizamento e amassamento, de forma mais profunda, depois com ritmo acelerado. Diferente da massagem modeladora, a redutora é feita apenas em locais específicos e podem ser usados acessórios para melhorar as manobras.

Para que serve e quais os benefícios?

A massagem redutora serve para reduzir as medidas de regiões como culote e abdômen. Os movimentos aplicados vão atingir camadas mais profundas da pele, aumentando o fluxo da corrente sanguínea e quebrando as células de gordura para que sejam eliminadas junto com as toxinas pela urina. Ameniza a flacidez, reduz medidas, melhora a elasticidade da pele, tonifica os músculos e reduz a celulite.

Quem pode fazer e quais as contraindicações?

Pode fazer a massagem redutora as mulheres que já tiveram bebê há mais de 6 meses ou que já foram liberadas pelo médico. Antes disso, não é recomendado. Também contraindicada para quem sofre com problemas linfáticos, quem tem ou já teve câncer e para gestantes. Fora isso, é liberado.

3. Drenagem linfática

A drenagem linfática é um tipo de massagem para emagrecer feita com movimentos manuais delicados e rítmicos. Diferente do que muitos pensam, não deve causar dor nem deixar hematomas. Pode-se usar um creme para aplicação, mas apenas para facilitar os movimentos.

Para que serve e quais os benefícios?

Esse tipo de massagem tem o objetivo de agilizar o fluxo da linfa, promovendo a eliminação de toxinas, do inchaço, melhorando a oxigenação da pele e suavizando as celulites. Então beneficia diversos casos, como de pessoas que fizeram cirurgia plástica, que sofrem de ansiedade, problemas respiratórios, insuficiência venosa, enxaqueca, dores nas pernas e na pelve, aliviando os sintomas.


Quem pode fazer e quais as contraindicações?

A drenagem linfática não é recomendada para pessoas que tem ou já tiveram câncer, tuberculose, problemas de insuficiência renal, hepática ou cardíaca, trombose profunda, hipertireoidismo e com processos inflamatórios agudos.

4. Massagem lipolítica

Esse é um tipo de massagem parecido com a modeladora. Sua aplicação é feita através de movimentos de deslizamento, amassamento e fricção sobre a pele, manipulando nódulos de gordura, ativando a circulação e incentivando a redução de medidas.

Para que serve e quais os benefícios?

Esse tipo de massagem para emagrecer é feita para ativar a circulação, aumentar a oxigenação e a nutrição das células, atenuar o aspecto das celulites, eliminar toxinas acumuladas, reduzir gorduras localizadas e o inchaço. O que difere do tipo de massagem modeladora são as posições trabalhadas, podendo também ser de lado ou sentado.

Quem pode fazer e quais as contraindicações?

As indicações e contraindicações da massagem lipolítica são as mesmas para a massagem modeladora. Pode ser feita por quem está com gorduras localizadas difíceis de remover naturalmente, sem manipulação. Não é recomendada a pessoas com doenças crônicas graves, com problema de pele ou câncer e nem para gestantes.

5. Massagem dermoativadora

A massagem dermoativadora é realizada utilizando uma espécie de escovinha com cerdas de madeira ou silicone para redução da celulite. As escovinhas vão deixar a pele um pouco vermelha, pois vão ativar a circulação e oxigenar o tecido. Os movimentos realizados são intensos e repetitivos. Antes da escovinha, chamada de celumix, há uma etapa com a aplicação de um creme e manobras manuais.

Para que serve e quais os benefícios?

Esse tipo de massagem para emagrecer ajuda a reduzir as medidas, modelar o corpo e para quem quer se livrar da celulite em todos os graus. Com o tratamento adequado para cada organismo, pode reduzir de 3 a 4 centímetros de medida ao mês. Melhora problemas de retenção de líquido, reforça a pele, melhora a circulação e elimina as toxinas que dificultam o emagrecimento.

Quem pode fazer e quais as contraindicações?

A massagem dermoativadora não deve ser feita por pessoas hipertensas, com problemas renais, com lesões na pele, em tratamento de infecções e inflamações nem por gestantes e lactantes.

Como fazer massagem para emagrecer em casa?

A maioria dos tipos de massagem para emagrecer listados acima precisam ser feitos em uma clínica de estética, por vários motivos. Primeiro é que o profissional conhece todas as técnicas necessárias, o que pode e não pode fazer no corpo para obter os efeitos desejados.

Segundo, que na clínica eles utilizam todo o material necessário para a aplicação da técnica, como cremes ativadores e aparelhos específicos que fazem o tratamento ser mais eficiente. Terceiro, que boa parte das manobras não tem como aplicar em si mesmo, pois necessitam das duas mãos nas costas, por exemplo, e da força e direção específicas para fazer o movimento.

Mesmo assim, existem formas de fazer a automassagem para a barriga, que é uma área do corpo que você alcança sem problemas, e que vai ajudar a ativar a circulação e quebrar as células de gordura para que sejam eliminadas aos poucos ou redistribuídas para outras partes do corpo, fazendo com que a cintura fique mais fina.

Mas saiba que não terá o mesmo resultado da clínica e que é necessário ter dedicação para fazer algumas vezes por semana, combinando com uma alimentação regrada e a prática de atividade física.

Loading...